Acervo de documentos


BR FCJA J/P / EPOCA por(BR) 2012

ÉPOCA. Rio de Janeiro: Globo, n.730, 14 maio 2012. 122 p. ISSN 1415-5494.

.

Jorge Amado: versão século XXI BR FCJA J/P / EPOCA por(BR) 2012

GIRON, Luís Antônio. Jorge Amado: versão século XXI. Época, Rio de Janeiro, n.730, p. 68-71, 14 maio 2012.

Reportagem sobre Jorge Amado e as homenagens prestadas no Brasil em comemoração ao centenário de nascimento do escritor baiano.

BR FCJA J/P / EPOCA por(BR) 2013

ÉPOCA. Rio de Janeiro: Globo, n.810, 2 dez. 2013. 122 p. ISSN 1415-5494.

.

Segredos de um comunista BR FCJA J/P / EPOCA por(BR) 2013

BORTOLOTI, Marcelo. Segredos de um comunista. Época, Rio de Janeiro, n.810, p. 68-74, 2 dez. 2013.

Reportagem sobre a fase política do escritor Jorge Amado. Neste texto, o autor aborda o período político da década de 40, bem como analisa alguns documentos inéditos (mala de documentos) deixados por Jorge Amado na Argentina e que hoje compõe o acervo da Universidade Federal de Santa Catarina, e por fim o arquivo particular de Jorge Amado apreendido pela polícia política em 1948 guardado no Arquivo do Estado do Rio de Janeiro.

BR FCJA J/P / ESTO por(P)/ing 1981

ESTORIL - SOL. Estoril: Casino Estoril, ano 4, n.7, primavera/verão 1981. Não paginado.

SEMANA do Estoril na Bahia BR FCJA J/P / ESTO por(P)/ing 1981

SEMANA do Estoril na Bahia. Estoril - Sol, Estoril, ano 4, n.7, primavera/verão 1981. Não paginado.

Reportagem sobre a Semana do Estoril/ Portugal realizada em maio de 1981 em Salvador, Bahia.

BR FCJA J/P / ESTO por(BR)/ing 1981

ESTORIL - SOL. Estoril: Casino Estoril, ano 4, n.8, outono/inverno 1981. 46 p.

.

ARTES plásticas BR FCJA J/P / ESTO por(BR)/ing 1981

ARTES plásticas. Estoril - Sol, Estoril, ano 4, n.8, outono/inverno 1981.

Reportagem sobre algumas manifestações culturais e artísticas realizados no segundo semestre de 1981 na Galeria de Arte do Casino Estoril.

FIGURAS & factos BR FCJA J/P / ESTO por(BR)/ing 1981

FIGURAS & factos. Estoril - Sol, Estoril, ano 4, n.8, p. 35-39, outono/inverno 1981.

Seção sobre a participação de personalidades importantes em eventos realizados no Hotel Estoril-Sol e Casino Estoril.

Jorge Amado BR FCJA J/PP.e / F87jb por(BR) 2016

FRAGA, Myriam; FONSECA, Aleilton; HOISEL, Evelina (Orgs.). Jorge Amado: Bahia de Todos-os-Santos: guia de ruas e mistérios. Capa por Camilo Fróes e Leo Dantas. Salvador: Casa de Palavras, 2016. 270 p. ISBN 978-85-7278-133-6. Textos apresentados no Curso Jorge Amado 2015, V Colóquio de Literatura Brasileira, Academia Brasileira de Letras, Salvador, BA, 11 a 14 de agosto 2015.

No período de 11 a 14 de agosto de 2015, realizou-se, na Academia de Letras da Bahia e na Fundação Casa de Jorge Amado, mais uma edição do Curso Jorge Amado – Colóquio de Literatura Brasileira, tendo como foco Bahia de Todos-os-Santos: guia de ruas e mistérios. Reunindo estudiosos da obra de Jorge Amado, as conferências e as comunicações atestam, mais uma vez, a fecundidade da ficção amadiana e o interesse que ela tem despertado nos meios acadêmicos, no Brasil e no estrangeiro. O livro que agora é ofertado ao público traz o registro dos trabalhos, possibilitando a difusão de grande pare do material apresentado no Curso Jorge Amado 2015 e no V Colóquio de Literatura Brasileira. Na apresentação do livro de Jacques Salah ‘A Bahia de Jorge Amado’ (Salvador: Casa de Palavras, 2008), a saudosa Myriam Fraga, idealizadora e coordenadora do curso Jorge Amado, coordenação que exerceu com vigor e entusiasmo desde 2011, ano da sua primeira edição, lança a seguinte pergunta no início do seu texto: Que poderosos desígnios fazem com que uma cidade seja tocada por um véu de mistério que a torna diferente e única entre tantas? [...] O que será que transforma uma cidade em lenda viva? Não somente a cidade traçada em Bahia de Todos-os-Santos: guia de ruas e mistérios (1945), livro que, em 2015, tornou-se septuagenário, mas a cidade que, debruçada sobre o mar, se espalha nas diversas narrativas romanescas e lhes impõe esquemas de civilização oriundos de uma multiplicidade de vertentes da religião, do folclore, de componentes étnicos, míticos, históricos, antropológicos e de suas características físicas. A cidade da Bahia em seus múltiplos aspectos está presente em variados níveis da obra amadiana, tornado-se, assim, uma personagem onipresente, com todos os seus mistérios evocados pelo romancista.


6364 documentos